domingo, 12 de agosto de 2007

Airtricity aluga terrenos transmontanos para eólicas

Foi dado mais um passo que visa a instalação Airtricity na zona de Bragança. Ontem a empresa ligada à exploração de energias renováveis , as juntas de freguesias e comissões de baldios assinaram os protocolos de Cessão de Exporação de Terrenos de Baldios para Fins Industriais, para a instalação de parques eólicos.

Além dos reponsáveis da empresa rubricaram os acordos os autarcas de São Julião de Palácios, Rabal, Deilão e Babe e as Comissões Directivas de Baldios de São Julião de Palácios, Vilarinho, Laviados, Guadramil e Rio de Onor. A assinatura destes contratos surgiu depois de um periodo de negociações entre a câmara de Bragança, juntas de freguesia, responsáveis pelos baldios, proprietários de terrenos e a Artricity.
A empresa começa já apagar a renda pela utilização dos terrenos. O autarca releva o facto deste passo significar o início de uma intenção de investimento anunciada a 19 de Abril deste ano e que está a avançar, memso com a oposição do Plano de Ordenamento do Parque Natural de Montesinho. A empresa, uma joint-venture entre o promotor irlandês de energia eólica Airtricity e a portuguesa Enerbaça-Energias Renováveis, anunciou a intenção de desenvolver projectos de energia eólica até 600 MW, em Bragança e Vinhais. Um investimento global de 200 milhões de euros.

in BCD

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial