quinta-feira, 5 de julho de 2007

A. Silva Matos aposta em energias renováveis

Prestes a fazer 27 anos dedicados à metalomecânica, o salto para o sector energético era "inevitável, lógico e estratégico" para a sobrevivência da A.Silva Matos no médio prazo. As palavras são do fundador, Adelino Silva Matos, que em entrevista ao Jornal de Negócios (JdN) afirma que este "é o momento de viragem dos destinos do grupo".

Adelino Silva Matos revela que "o futuro passa, sobretudo, pela energia, sector que em três anos deverá ser responsável por cerca de 70% do volume de negócios, embora sem perder nunca a vocação original da metalomecânica".

Já presente na produção de torres metálicas para parques eólicos em Portugal, a empresa vai agora alargar esta actividade ao Leste e entrar na produção de energia eólica em vários países europeus. Em paralelo, a A.Silva Matos desenvolveu um protótipo de hidrogénio e está a trabalhar como fornecedor de equipamentos de produção de electricidade a partir das ondas e a estudar oportunidades nos mercados da biomassa e biocombustíveis.

in Jornal de Negócios

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial