domingo, 1 de julho de 2007

Avião solar

A rotina diária da equipe da missão do Solar Impulse, o avião movido a energia solar projetado pelo suíço Bertrand Piccard, já pode ser acompanhada pela Internet. A Altran – líder no mercado europeu de Consultoria em Tecnologia e Inovação –, uma das empresas patrocinadoras do projeto, desenvolveu um simulador de vôo virtual para a aeronave, disponível no site www.solarimpulsevirtualflight.com. Com esta ferramenta, é possível acompanhar todos os passos dos integrantes da missão, em tempo real, além de ter acesso às imagens, aos dados, itinerários, mapas e diário de bordo.

Com grande experiência multidisciplinar na gestão de projectos e de riscos em setores como aeronáutica, energias renováveis e desenvolvimento sustentável, a Altran criou este simulador para antecipar as possíveis dificuldades da trajetória da aeronave, na volta ao mundo que acontecerá em maio de 2011. A previsão é que o Solar Impulse alcance a velocidade de 100 km por hora.

Com a idéia de buscar soluções mais eficazes para correção de problemas, os especialistas da Altran se basearam em diversos parâmetros, como consumo de energia, condição das baterias, posicionamento dos painéis solares e do sol, previsões meteorológicas e perfil do vôo.

“O Solar Impulse é fascinante. Em um único projeto, temos a oportunidade de explorar diversas competências da Altran, colaborando, principalmente, com o avanço tecnológico em questões de extrema importância para a humanidade”, comemora Patrick Dauga, presidente da Altran do Brasil.

Vôo simulado - A simulação inicia com a escolha do destino, que pode ser da China ao Havaí, do Havaí ao Arizona Florida, da Flórida à Espanha, do Golfo à China ou da Espanha ao Golfo. Após a seleção, o sistema traça a rota ideal, considerando as condições climáticas mais adequadas e seguras. As rotas são analisadas minuciosamente e em tempo ágil. O grande desafio do piloto é fazer o uso mais econômico possível da energia armazenada nos painéis solares para que evitar a nedessidade de um pouso de emergência. Para isso, o trabalho da equipe é extremamente importante, envolvendo pilotos, coordenadores, meteorologistas e controladores de tráfego aéreo.

Solar Impulse - Projetado pelo suíço Bertrand Piccard, o Solar Impulse é um avião com 80 metros de comprimento, que pesa apenas duas toneladas. Mesmo movido apenas a energia solar, o Solar Impulse também pode ser pilotado à noite, graças à capacidade de armazenamento de energia. Para isso, a aeronave deverá voar a uma altitude de 12 mil metros, durante o dia, justamente para manter as baterias carregadas. Para voar durante a noite, a idéia é descer progressivamente até uma altitude de cerca de três mil metros.

Com o objetivo de evitar quebras, o avião está sendo construído com materiais leves, resistentes e flexíveis. Para reforçar as asas e economizar peso, os painéis solares são integrados à própria estrutura do Solar Impulse.

O Solar Impulse está sendo desenvolvido com a participação da Agência Espacial Européia, incluindo cerca de 60 engenheiros de várias nacionalidades. Além da Altran, entre os parceiros oficias do projeto estão companhias como Solvay, Omega e Deutsche Bank, entre outras. Fundada em 1982 na França, a Altran é líder no mercado europeu de Consultoria em Tecnologia e Inovação, destacando-se no setor como um dos maiores do mundo. A Altran emprega mais de 17 mil colaboradores e mantém operações em 20 países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Brasil (São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília), China, Coréia, Espanha, EUA, França, Holanda, Inglaterra, Irlanda, Itália, Japão, Luxemburgo, México Portugal, Suécia, Suíça e Venezuela. Ao todo, a companhia reúne 180 subsidiárias.

Em 2006, o grupo faturou cerca de US$ 2 bilhões. Entre as empresas que compõem o grupo Altran, destacam-se Arthur D.Little, Cambridge Consultants, Hilson Moran, Control Solutions, Media Aerospace, Pr(i)me, DCE Consultants, Praxis, Synetics, Segime.

A empresa está presente no Brasil desde 1999, com escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, sob o comando de Patrick Dauga, executivo francês com mais de 20 anos de experiência na América Latina, Ásia, Europa e EUA. A Altran do Brasil atua em quatro áreas: consultoria em Inovação e Engenharia (Altran Technologies e Altran TCBR); Consultoria em TI (Altran CIS), Conselho Estratégico (Arthur D.Little) e Comunicação (TDA Comunicação).

in Revista Fator

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial